Ataque vodafone portugal

ataque vodafone portugal

Quais foram as consequências do ataque à Vodafone?

Uma das consequências deste ataque à Vodafone foi a afetação das transferências financeiras, nomeadamente na rede Multibanco. A rede Multibanco tinha meios alternativos e começou a recuperar, não com a qualidade de serviço global que tinha antes, mas começou a recuperar poucas horas depois.

Quais são os problemas da Vodafone Portugal?

A Vodafone Portugal tem cerca de quatro milhões de clientes particulares e empresariais - que ficaram sem rede. Mas mesmo quem tem outra rede terá ficado impossibilitado de aceder, por exemplo, a serviços de emergência (antes de serem encaminhados para a rede SIRESP, como pode ler nestas páginas) ou de usar a rede do multibanco.

O que aconteceu com o serviço de telecomunicações da Vodafone?

A explicação foi dada pelo CEO da Vodafone Portugal, em conferência de imprensa, que classificou o ciberataque com um ato terrorista e criminoso. Na noite de segunda-feira, os clientes ficaram sem serviços, que estão a ser repostos aos poucos, dada a gravidade do ataque.

Quais são os serviços afetados pelo ataque cibernético da Vodafone?

Bancos, INEM, corporações de bombeiros, unidades de saúde como o Centro Hospitalar Universitário do Porto, mas também alguns multibancos do país, e ainda o Instituto Português do Mar e da Atmosfera foram alguns dos serviços afetados na sequência do ataque cibernético de que foi alvo a Vodafone Portugal na noite de segunda-feira, 7 de fevereiro.

Quais as consequências do ciberataque da Vodafone Portugal?

A Vodafone Portugal foi alvo de um cibertaque, com as primeiras consequências deste ataque a serem sentidas desde as 21 horas desta segunda-feira. Detetámos que a mesma [indisponibilidade] tinha origem num ato terrorista e criminoso na nossa rede, indica Mário Vaz.

O que está acontecendo com os clientes da Vodafone após o ciberataque?

A Vodafone tem rejeitado ter indícios que dados de clientes tenham sido acedidos, ainda assim, conforme avançou o Observador, notificou a CNPD.

O que aconteceu com o serviço de telecomunicações da Vodafone?

A explicação foi dada pelo CEO da Vodafone Portugal, em conferência de imprensa, que classificou o ciberataque com um ato terrorista e criminoso. Na noite de segunda-feira, os clientes ficaram sem serviços, que estão a ser repostos aos poucos, dada a gravidade do ataque.

Por que a Vodafone foi alvo de um ciberataque?

A Vodafone foi alvo de um ciberataque “deliberado e malicioso” na noite desta segunda-feira, informou a empresa em comunicado. Este ataque estará assim na origem dos problemas técnicos registados nas comunicações desta rede . Há clientes que ficaram sem acesso aos serviços de telefone e rede de Internet.

O que está acontecendo com os serviços da Vodafone?

O impacto verificado nos serviços da Vodafone “encontra-se em fase final de resolução”, com “um volume já bastante residual de clientes afectados”, disse esta quinta-feira à Lusa fonte oficial da operadora de telecomunicações.

É possível rescindir o contrato de telecomunicações da Vodafone?

Assim sendo, pedi resolução de contrato de telecomunicações da Vodafone, uma vez que não me é possível usufruir desta rede de telecomunicações e segundo o artigo 437° do Código Civil é possível rescindir o contrato pelo motivo acima descrito.

Como está a estabilização da rede da Vodafone?

... A estabilização da rede da Vodafone está praticamente assegurada, indica fonte oficial da companhia ao Negócios, confirmando assim a informação avançada pela agência Lusa. Esta estabilização da rede inclui os serviços de voz móvel e fixa, dados móveis e também o serviço de televisão.

Postagens relacionadas: