Síndrome de vasovagal

síndrome de vasovagal

Quais são os principais gatilhos para o desencadeamento da síndrome vasovagal?

Sabemos que o principal gatilho para o desencadeamento da síndrome vasovagal é o estresse ortostático, ou seja permanecer por longos períodos na posição ereta, diminuindo assim o retorno de sangue ao coração. Outras situações também podem desencadear o quadro, como emoções fortes, medo, dor e ansiedade.

Quais são as causas da síncope vasovagal?

As síncope vasovagal é provocada por queda da pressão arterial e dos batimentos cardíacos devido a certos estímulos ao nervo vago. A causa exata que leva ao desenvolvimento desta reação pelo organismo ainda não está esclarecida, no entanto, algumas das principais situações que desencadeiam esta alteração são: Exercícios físicos.

Qual a diferença entre síncope e nervo vago?

O nervo vago se estende do cérebro ao estômago, e é muito importante para regular diversas funções vitais. É aí, do nervo vago, que vem o nome “vagal”. Já o termo síncope, na medicina, é utilizado para descrever a perda da consciência – popularmente conhecida como desmaio.

Qual a função do nervo vago?

Além disso, o nervo vago divide alguma das suas funções com o nervo glossofaríngeo (IX par), especialmente na região do pescoço, sendo responsáveis pela sensação gustativa, onde o nervo vago está mais relacionado com o azedo e o glossofaríngeo com o sabor amargo.

Quais são as causas da síncope vasovagal?

A síncope vasovagal pode ser induzida por dor intensa, calor forte, por ficar em pé durante muito tempo, por medo ou estados de ansiedade intensa. É a causa de desmaios naqueles que tem pavor de agulha e precisam colher sangue, dos jovens em shows de música, ou de cirurgiões ou guardas que ficam muito tempo em pé sem se movimentar.

Quais são as principais características da síncope?

A principal característica da síncope é o fato do paciente desmaiar e acordar logo em seguida de forma espontânea. Entretanto, se durante a queda o paciente bater a cabeça com força no chão ou em alguma quina ou objeto duro, ele pode não acordar imediatamente por conta do traumatismo craniano.

Quais são os sintomas da síncope?

Na síncope causada por arritmias, o paciente habitualmente perde a consciência sem apresentar sintomas prévios. No máximo, um quadro de palpitações precede o desmaio. Tanto as bradicardias (coração que bate muito lentamente) quanto as taquicardias (coração que bate muito rapidamente) podem provocar síncopes.

Postagens relacionadas: